Cuidados, Dicas e Notícias
Férias de inverno com os melhores amigos (04/06/2015)

Levar os pets em uma viagem pode virar um drama, mas, para quem considera os animais de estimação membros da família, não é opção deixá-los em casa. Então o jeito é se preparar e tomar todos os cuidados necessários com direito a muito carinho.

Entre os preparativos é importante prestar atenção no transporte correto dos animais, nas providências necessárias como documentação e vacinas para viagens internacionais, além de encontrar a melhor forma de prevenir os enjôos durante a viagem. Para isso é recomendável consultar um médico veterinário, que também poderá orientar sobre os problemas decorrentes da alteração do ambiente e da rotina do pet  fatores que podem causar ansiedade e mudança no apetite.

Além de todas essas questões, ainda há outro detalhe que sempre preocupa, sendo um inconveniente inevitável que todo pet leva consigo, não importa o destino: a sujeira. Por isso a veterinária Keila Regina de Godoy não recomenda trocar a alimentação dos bichinhos bruscamente apenas para a ocasião de uma viagem.

Porém, se isso for feito anteriormente, respeitando o período de troca gradual, os efeitos indesejados são minimizados previamente e ainda se estende o benefício para o dia-a-dia do animal. “Além disso, o alimento pode ajudar a manter o apetite dos cães e gatos mesmo em um momento de transição, como férias em um lugar diferente”, comenta Keila, que reforça que no inverno e, sobretudo, nas viagens os cães ficam mais vulneráveis ao contágio de gripe canina, cuja incidência é muito maior nesse período: “Existem vacinas que fazem a prevenção da doença, sendo uma medida importante para casos de mudanças de ambientes, quando a exposição a outros animais acaba por aumentar”.

Assine nossa Newsletter
Mapa do Site